COLOMBO – SER BOM É POUCO, O POVO EXIGE UM SANTO.

COLOMBO – SER BOM É POUCO, O POVO EXIGE UM SANTO.

Amigos e amigas de Floripa

Neste mar de lama que se transformou a gestão pública brasileira, Raimundo Colombo, é uma revelação de bom gestor. Muitos não vão concordar comigo, irão alegar que ele esta envolvido na Lava Jato e coisas do gênero.

Vamos separar o joio do trigo. Na Lava Jato tem os corruptos que se enriqueceram e os candidatos que pediram dinheiro para suas campanhas via Caixa 2. É um crime de caráter eleitoral, seguramente, praticado por todos os partidos políticos. Penso que Colombo esta nesta categoria, seu coordenador financeiro usou dinheiro da Odebrecht e o colocou na campanha para elegê-lo Governador. Este é o seu deslize que terá que responder perante a Justiça.

Colombo tomou posse pela primeira vez em janeiro de 2011, já se passaram 7 anos, e não se tem noticia de que tenha praticado, no exercício do cargo, qualquer ato de corrupção. Ao contrário, tem se comportado como um político leal, sério, íntegro.

 Não pertenço a seu partido político, não disponho de emprego público, faço apenas o que minha consciência manda e a realidade confirma. Tem feito um Governo de boa qualidade ainda que discorde de duas ações que andaram raspando no acerto, mas continuam equivocadas – refiro-me as Agências de Desenvolvimento que deveriam ser extintas e a ARESC um cabide de empregos. Quanto a algumas empresas parasitas (COHAB e CODESC) vem trabalhando para a sua extinção. Sugiro que avance mais, há muito que fazer nesta seara.

Há outro detalhe importante, é coerente com a economia de mercado, não aumentou impostos e tem nos investimentos a solução para os empregos, renda e aumento dos impostos. Assim como condenamos os maus políticos, os bons devem ser aplaudidos.

Para Floripa selecionei alguns projetos importantes:

  1. NOVO ACESSO AO SUL DA ILHA E AEROPORTO HERCÍLIO LUZ
  2. RESTAURAÇÃO DA PONTE HERCÍLIO LUZ
  3. IMPLANTAÇÃO DE CICLOVIAS, CALÇADAS E FAIXAS DE PEDESTRES SC-405, DA SC-401 AO TREVO DO RIO TAVARES.
  4. RESTAURAÇÃO DO TERMINAL RODOVIÁRIO RITA MARIA
  5. PAVIMENTAÇÃO DO ACESSO AO SANTINHO, EM INGLESES.
  6. DUPLICAÇÃO DA SC-403, TRECHO SC-401 A INGLESES.
  7. ACESSO AO CENTRO DE EVENTO DE CANASVIEIRAS
  8. REVITALIZAÇÃO DA SC-400, DA SC-402 À DANIELA.
  9. REVITALIZAÇÃO ACESSOS INGLESES E PRAIA JOAQUINA, SC-406.
  10. INSTALAÇÕES NA ARENA MULTIUSO DE FLORIANÓPOLIS
  11. ELIMINAÇÃO DE PONTOS CRÍTICOS NA SC-401: ENTRADAS PARA JURERÊ, NA SC-402 E PARA A LAGOA DA CONCEIÇÃO, NA SC-404.
  12. EXECUÇÃO DE PASSARELA NA SC-401, KM 1
  13. REVITALIZAÇÃO DA SC-406, MORRO DAS PEDRAS PÂNTANO DO SUL.
  14. CONSTRUÇÃO DA PONTE SOBRE O RIO TAVARES, SC-401.

 


Dilvo Tirloni

Sou Administrador concluí meus estudos de ensino fundamental na cidade de Nova Trento. Os estudos de ensino Médio foram concluídos na cidade de Brusque, no Colégio São Luiz e Consul Carlos Renaux. Sou bacharel em  História pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Simultaneamente, cursei Administração na Escola Superior de Administração e Gerência (ESAG). Nesta escola fui contemplado com medalha pelos méritos acadêmicos vindo, então, a ser convidado para cursar o Pós Graduação, nível de mestrado, na Fundação Getulio Vargas, em São Paulo. Concluído o curso de pós-graduação ingressei como professor titular na UDESC/ESAG atuando na área de Administração Financeira e Mercado de Capitais.

Profissional

Professor primário, secundário e universitário. Técnico em Desenvolvimento Econômico do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), especialista em projetos de financiamentos e investimentos, executivo fundador do antigo CEAG/SC, hoje, SEBRAE, Consultor de atividades  empresariais. Presidente da Associação Comercial e Industrial de Florianópolis – ACIF entre 13/05/2005 a 13/05/2009 (4 anos com reeleição) e presidente do Conselheiro do Conselho Superior 2009/2011. Conselheiro do Sapiens Park, Conselheiro do Conselho Municipal do Meio Ambiente, Conselheiro do Conselho Municipal do Saneamento Básico.

Pensamento Político

A história nos ensinou que o melhor caminho para as sociedades é o Liberalismo (Locke) representado por um  conjunto de princípios  baseados na defesa da propriedade privada, liberdade econômica (mercado livre),  liberdade política (vários partidos), liberdade religiosa, mínima participação do Estado na economia mas forte na aplicação da lei, igualdade dos cidadãos perante a lei, livre manifestação do pensamento e expressão.

Publicações

Inúmeros artigos publicados nos jornais de Florianópolis. Coordenou e escreveu os seguintes livros: Prefeitura Municipal de Florianópolis 2004; Novo Modelo Institucional Água e Saneamento, 2006, SC2010, projeto sobre Governo Estadual, 2007; Reforma Tributária Nacional 2008; PMF2012 Reforma Administrativa da Prefeitura Municipal de Florianópolis. Bacias Hidrográficas de Florianópolis, 2008.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *