Categoria: Administração

CASA PRÓPRIA – O PAÇO MUNICIPAL


Amigos e amigas Seguramente, das capitais brasileiras Floripa deve ser a única que não conta com “casa própria” o seu Centro Administrativo. É uma desonra para os moradores nascidos ou adotados pela cidade. A Prefeitura gasta em média 6 milhões por ano, média de 500 mil por mês em 12 endereços diferentes. Além dos custos

LINHAS BLOQUEADAS AS DEFICIÊNCIAS DE FLORIPA


Amigos e amigas de Floripa Quando falamos de desenvolvimento econômico, de cidade moderna, antenada, ligada na linha do tempo, falamos dos seguintes segmentos de infraestrutura: Energia Comunicações Habitação Saneamento Básico Transportes e Mobilidade Não se faz uma cidade moderna sem que estas demandas sejam resolvidas. Em nossa querida Floripa passamos longe das soluções, quando muito

BRASIL COMPARAÇÕES PORQUE DAMOS ERRADO


Amigos e amigas de Floripa Segundo o Fundo Monetário Internacional a Austrália ocupa o segundo lugar no topo dos países com o melhor IDH do mundo, 0,933. O primeiro é a Noruega com 0,944. O IDH – índice de desenvolvimento humano é o somatório de três dimensões – riqueza do país (PIB), nível de escolaridade

A BALOFA ESTRUTURA ADMINISTRATIVA


Amigos e amigas de Floripa Uma das pragas da Administração Pública é a sua estrutura orgânica que esta mal construída tecnicamente, sobretudo, pelo excesso de órgãos, alguns superpostos  empregando centenas de pessoas apadrinhadas, desempenhando atividades via de regra inúteis. Floripa não escapa desta maldição. Além dos mais de 300 cargos comissionados para atender aos interesses

PRIMEIRO ANO DO GOVERNO GEAN


Amigos e amigas de Floripa Muitos me perguntam o que acho do Governo Gean. Minhas respostas via de regra não se resumem ao “ruim, bom, excelente”. Uma Administração é feita de várias ações em diferentes segmentos de tal sorte que, um e melhor atendido que outro. É o que chamo de “feijão com arroz” e

MONITORAMENTO DA CIDADE


Amigos e amigas de Floripa Foi publicado em, 30/11/2017,  extenso relatório sobre alguns indicadores da cidade, com foco na Dimensão urbana (ordenamento do solo, ambiente de negócios, educação, saúde, segurança, capital humano); Dimensão ambiental (água, esgotamento, lixo, ruído, qualidade do ar) e Dimensão fiscal (gestão pública, transparência, gasto público).  Foram atribuídas cores para os indicadores,

RECEITA PREVIDÊNCIARIA E SEUS CUSTOS


Amigos e amigas de Floripa Em outra oportunidade registrei a necessidade de um Reforma Tributária para contemplar a redução da carga de impostos que se aproxima de 40% do PIB e simplificar o cipoal de leis que geram interpretações diversas, origem de muitos processos judiciais. Tudo isso onera o chamado “custo Brasil” atrapalhando a competitividade

COMCAP ESTANCAR OS PREJUÍZOS


Amigos e amigas de Floripa Há pouco tempo a COMCAP publicou o seu relatório sobre 2016. Nas finanças foi um furação devastador, todos os valores são superlativos,  produziu um prejuízo de 60 milhões (prejuízo é igual a Receitas menos as Despesas) que somados aos anteriores acumulam a inacreditável soma de 280 milhões. Deve ao Fundo